Assista ao vídeo 2018

video
video

Introdução

Tal como o Papa Francisco afirmou no seu discurso, no dia 20 de Junho de 2014, por ocasião do Congresso Internacional Liberdade Religiosa segundo o Direito Internacional e o Conflito Global dos Valores: “A razão reconhece na liberdade religiosa um direito fundamental do homem que reflecte a sua mais alta dignidade”. "Em muitos países, a liberdade religiosa não é um conceito; é uma questão de sobrevivência." (Cardeal Dieudonné Nzapalainga) "Por simplesmente pertencer à religião errada, uma multidão incontável de pessoas foi morta; muitas outras desapareceram e ainda mais foram presas indefinidamente." (John Pontifex) O Relatório da Liberdade Religiosa no Mundo da AIS procura divulgar lugares e incidentes onde a perseguição religiosa limita os direitos dos indivíduos de praticar a sua fé; e indica a melhoria ou declínio da liberdade religiosa em cada país. Esperamos que este Relatório ajude jornalistas, políticos, académicos, juristas e outros interessados em ajudar todos os oprimidos e perseguidos por causa da sua fé.

PREFÁCIO
"A liberdade religiosa na sua totalidade elimina o risco de instrumentalização religiosa."

Cardeal Dieudonné Nzapalainga

keyboard_arrow_right
PRINCIPAIS CONCLUSÕES
"Simplesmente por pertencerem à religião errada, inúmeras pessoas foram assassinadas e muitas outras desapareceram ou foram presas indefinidamente."

Por John Pontifex, Editor-Chefe

keyboard_arrow_right

Por país

menu search
Situação

Melhorado

Inalterada

Situação piorou

Perseguição

Discriminação

Manteve-se

Conclusões

Estudos de Caso

Contexto

Baixar

person
email
place

IMPRENSA

Sobre Nós

A Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (ACN) é uma instituição internacional, fundada em 1947, que apoia mais de 6.000 projectos pastorais em mais de 140 países por ano. Com base em três pilares - informação, oração e acção - a Fundação AIS ajuda os Cristãos onde quer que sejam perseguidos, ameaçados ou em necessidade.